Projetos

Associação Quilombola Marobá dos Teixeira

Quilombola com quilombola

Minas Gerais

Objetivos e público alvo

Propiciar a articulação territorial da luta quilombola a partir dos/das próprios/as quilombolas, por meio de pressão para o avanço conjunto da regularização fundiária e do combater à desigualdade social, além do fortalecimento do desenvolvimento de cada quilombo em suas lutas específicas.

Atividades principais

  • Encontros de planejamento da rede, de organização e preparação das atividades a serem realizadas nas comunidades ou de pressão para regularização fundiária.
  • Encontros de socialização da realidade, sistematização e aprofundamento de problemáticas específicas e encaminhamentos para enfrentar preocupações comuns.
  • Encontro de preparação de ação e estratégias de pressão junto ao Incra.
  • Oficinas dos serviços específicos de gestão e administração do projeto.
  • Oficinas de serviços necessários à comunicação do projeto.
  • Ações solidárias de luta específica e combate às desigualdades nas comunidades.
  • Ação pública em prol da regularização fundiária e titulação dos territórios quilombolas.

Contexto

O território do Baixo Jequitinhonha não conseguiu representatividade no Conselho dos Povos Tradicionais do governo de Minas Gerais. Nas articulações quilombolas não há encontros específicos para o Baixo Jequitinhonha, programados para o Médio Jequitinhonha. O território fica de fora da articulação ativa com outros quilombos. Os escassos recursos das comunidades não permitem deslocamento para outros locais. As comunidades que já fizeram estudo antropológico e delimitação do território se desgastam enfrentando sozinhas entraves e protelamentos dos processos de regularização fundiária no Incra.  A luta é isolada “na fé e na marra”, segundo os representantes do quilombo. Além dessa luta comum a diversos quilombos, cada comunidade enfrenta lutas específicas, na maior parte das vezes originada em conseqüência de não ter completado processos de regularização fundiária.

Sobre a organização

A Associação Quilombola Marobá dos Teixeira tem a missão de defender o direito ao território ocupado pelos quilombolas por volta de 1870; proteger o meio ambiente; promover o desenvolvimento sustentável econômico, social e cultural da comunidade; recuperar o calendário festivo; preservar as manifestações religiosas e culturais, respeitar e fazer respeitar a autonomia e autodeterminação do quilombo e promover a qualidade de vida.

Parcerias

Comissão Pastoral da Terra.

Federação Quilombola.

Federação dos Trabalhadores na Agricultura do Estado de Minas Gerais.

Cáritas.

Resultados

O apoio possibilitou a procura de parcerias em órgãos públicos para a realização de atividades nas comunidades; ações comunitárias; oficinas e ações de luta nas comunidades; reuniões de articulação e mobilização; encontros de comunidades; mutirões para melhorias nas comunidades.

Linha de Apoio

Edital Anual

Ano

2016

Valor doado

R$ 40 mil

Duração

12 meses

Temática principal

Direitos das populações quilombolas e tradicionais

Ajude a transformar o país!
Colabore com nosso trabalho!

DOE AGORA

Projetos

Conheça os projetos apoiados pelo Fundo Brasil

Saiba mais