Notícias

Liderança do grupo LGBT Sete Cores é encontrado morto em Pernambuco

30 junho 2019

- por Fundo Brasil de Direitos Humanos -

Foi encontrado na manhã deste sábado (29) na zona rural do município de Pombos, Pernambuco, o corpo do professor Sandro Cipriano. O educador estava desaparecido desde quinta-feira.

Cipriano era diretor do Serviço de Tecnologia Alternativa (Serta) desde 2016 e uma das lideranças LGBT do interior de Pernambuco. Integrava o Grupo Sete Cores, que acaba de ser selecionado no edital geral do Fundo Brasil “70 Anos da Declaração Universal dos Direitos Humanos”. O grupo enviou proposta de projeto para realizar ações de combate à LGBTfobia, e também já havia recebido apoio do Fundo Brasil, via edital, em 2016.

Formado em pedagogia, o educador de 35 anos dava aulas de Educação em Direitos Humanos para o curso técnico de Agroecologia. O Serta decretou luto de três dias. A morte está sendo investigada.

O Fundo Brasil se solidariza com os familiares, amigos e companheiros de militância do educador e ativista Sandro Cipriano, e reafirma a necessidade e a importância de apoiar a luta pela defesa do direito de existir em segurança de todas e todos. Isto passa por garantir que a investigação do crime seja séria e rigorosa, para que seus autores sejam identificados e levados a julgamento, a fim de que este episódio não seja mais um na crônica de impunidades em relação à violência contra defensores de direitos humanos no Brasil.

Ajude a transformar o país!
Colabore com nosso trabalho!

DOE AGORA

Projetos

Conheça os projetos apoiados pelo Fundo Brasil

Saiba mais